Todo homem tende, por natureza, ao saber e à coragem moral

Aristóteles - Filósofo
(384 – 322 a.C)

Prezado leitor,

O mês de março foi um período pródigo de eventos marcantes na história da ANFAC.

Abriram-se, diante de nós, oportunidades de avanço para consolidar a credibilidade da ANFAC e seu protagonismo nas conquistas institucionais na busca de inovações e de aprimoramento das estruturas e dos produtos do vasto mercado de recebíveis operados basicamente pelo fomento comercial.

O memorável seminário – “O Fomento Comercial na Perspectiva do Superior Tribunal de Justiça”, em 10 de março, cuja realização teve ampla e consagradora repercussão, cuidou dos fundamentos jurídicos de uma disciplina legislativa específica que regule os negócios do fomento comercial, compendiados em capítulo do projeto do Novo Código Comercial, em tramitação na Câmara dos Deputados.

Em 31 de março, foram comemorados, em alto estilo, os 35 anos da ANFAC, à altura dos inquestionáveis resultados obtidos para a economia do País meritoriamente celebrados por nossos laboriosos empresários.

O cenário futuro sinaliza que é tempo de convergência de esforços, conjugada com a união de objetivos, para que o fomento comercial se fortaleça com o reconhecimento de sua legitimidade socioeconômica e com a segurança jurídica indispensável a lhe conferir a estabilidade no desempenho do seu relevante papel na sociedade brasileira.

Com orgulho, saudamos os nossos empresários e colaboradores, pela superação de tantos obstáculos e desafios, com o nosso legado de estímulo, de otimismo, de harmonia e de crença no sucesso do profissionalismo e da seriedade do nosso trabalho, como contribuição aos ideais republicanos de um Brasil novo e forte.

Até breve.
Nossas respeitosas saudações.
Luiz Lemos Leite
Presidente

© 2017 - Associação Nacional de Fomento Comercial